Em Cuiabá, prefeito de Água Boa participa de audiência pública sobre áreas úmidas

O prefeito Dr. Mariano ainda cumpriu diversas agendas na capital, buscando melhorar a qualidade de vida da população água-boense.

Com o objetivo de buscar investimentos que melhorem a qualidade de vida da população de Água Boa, o prefeito Mariano Kolankiewicz Filho – Dr. Mariano (MDB) esteve em Cuiabá nesta semana.

Entre as demandas na capital, o gestor participou, nesta quinta-feira (5), na Assembleia Legislativa, da audiência pública que debateu as áreas úmidas das regiões do Vale do Araguaia e Vale do Guaporé. Conforme apresentado pelo prefeito Dr.Mariano, Água Boa terá 36 mil hectares afetados diretamente com a restrição ambientais, afetando diretamente o desenvolvimento do município.

“Agradeço todo empenho da Assembleia Legislativa por essa audiência. Vamos sofrer um impacto enorme direcionado ao desenvolvimento do município. Todo Vale do Araguaia vai ser afetado, principalmente a economia, como num todo”, disse o gestor.

Além disso, ele agradeceu o deputado Eugênio Paiva - Dr. Eugênio (PSB), sendo ele um dos que requereu a audiência. “Parabenizar o Dr. Eugênio, nosso deputado do Araguaia, pela brilhante audiência pública, que contou com a participação dos deputados estaduais, prefeitos e vereadores. Essa grande ação aí vai promover mecanismos para ajudar a resolver grandes problemas e dá uma tranquilidade a toda nossa população”, pontuou.

Das decisões preliminares, a Assembleia Legislativa e a Secretaria de Estado de Meio Ambiente (Sema) terão o prazo de quatro meses para realizar um estudo que contenha um mapeamento do Vale do Araguaia e Guaporé que comprove que as áreas descritas não fazem parte do bioma Pantanal e, logo, não podem ser regidas pela Lei 8830/2018.

A agenda do chefe do Executivo Municipal na capital também foi preenchida com inúmeras visitas aos gabinetes parlamentares, encontro com autoridades políticas, além de representantes da saúde, educação, turismo e outras demandas do município.

O gestor ainda marcou presença na importante votação do novo presidente da Associação Mato-Grossense dos Municípios (AMM), na qual Leonardo Bortolin (MDB), o prefeito de Primeira do Leste foi eleito.